Aceitou o desafio: Joana Lorenzetti #desafioartegorda

Aceitou o desafio: Joana Lorenzetti #desafioartegorda


Eu me lembro da 1ª obra de arte que eu vi. Era a Monalisa do Fernando Botero, de 1963, uma releitura. Rechonchuda, olhos grandes, lábios pequeninos e as mãos também. Achei tão gracinha, tão simpática naquela pose. Parecia que debochava. Depois disso, fui pesquisar mais a respeito do autor. Adorei suas obras, a forma como eram detalhadas, suaves e leves. Não sou expert em arte, mas Botero me marcou. Mas aí ele fez questão de derrubar meu forninho quando, numa entrevista, falou que não, de jeito nenhum. Já tive três mulheres, e as três eram magras” quando perguntado se gostava apenas de mulheres gordas; além de fazer menção ao peso de sua esposa (qual a necessidade disso, senhor?) para mostrar o quão magra ela era.

Botero disse que retrata volumes, seja mulher, homem ou paisagem. O lance dele é volume. Sinto muitíssimo por esse senhor ainda não ter se ligado em que pé seu trabalho chegou. Para todos os efeitos, considero agora só o resultado final e não dou bola para o que ele fala… Não sou obrigada a continuar fã de artista gordofóbico, né? Mas aprecio sua arte final, embora ele  mesmo as descarte do cunho político que está implícito nelas.

Tudo bem, sobreviveremos sem uma postura bacana do artista, não dá mesmo pra contar com a maioria deles… Então, vamos contar com as pessoas que toparam o desafio! Agora é a Joana que chega na cena, trazendo o resultado da sua aventura desenhando corpo gordo.


Joana, ahazou! Continue se arriscando. Transforme todos os corpos, retire-os do padrão! Isso é incrível, sério. <3

 

By Joana Lorenzetti

By Joana Lorenzetti

Achei simplesmente genial o desafio arte gorda, e corri pra fazer um desenho porque quero ser parte desse projeto sensacional que você bolou.

viva as mulheres!
(obs: mandei a versão colorida e p&b, pois não consegui decidir qual ficava melhor)
(obs2: me inspirei na obra do diego velazquez, rokeby venus pra fazer meu desenho, e admito que adorei a experiência de transformar um corpo magro em um todo gostoso, todo gordinho 🙂 Quem sabe não venha a aparecer em futuras produções)
beijos,
Joana Lorenzetti

+ Não há comentários

Adicione os seus